Estamos passando por uma situação emergencial na saúde pública mundial.



Os impactos do Novo Coronavírus são inevitáveis aos condomínios, mas podemos, juntos, miminizar os efeitos negativos da pandemia.



Coronavírus é uma família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus foi descoberto em 31/12/19 após casos registrados na China. Provoca a doença chamada de Covid-19.

Quais são os principais sintomas?


Sintomas comuns __________ Sintomas em casos graves


Coriza

Dor de garganta

Tosse e espirros

Febre

Falta de ar

Dor de barriga

Como ocorre a transmissão?


A principal forma de contágio do novo coronavírus é o contato com pessoa ou objeto infectados.

As maneiras mais comuns de infecção são:


Relações sociais comuns

Falta de higienização das mãos

Tocar olhos, boca e nariz

O novo coronavírus se espalha através de gotículas de saliva que se espalham pelo ar e estacionam, principalmente, em objetos. Ao tocar nesses objetos, ou pessoas que estão doentes, sua mão se torna um potencial transmissor indireto que, ao tocar mucosas, transmitirá o vírus para o seu organismo.


Como se prevenir?


Ainda não há cura ou vacinas para combater o novo coronavírus. Então, a estratégia tomada para conter a propagação é a supressão social, isto é, a melhor forma de recessão do vírus é...

não sair de casa.



Ao se manter em quarenta, são evitados:


Contatos sociais

Aglomerações

Proliferação

Entendemos que saídas, às vezes, são necessárias.

Depois de ir ao mercado ou farmácia, por exemplo, lave bem as suas mãos:


Molhe as mãos e passe bastante sabão. Esfregue uma palma na outra.

Limpe bem as unhas, esfregando-as contra a palma da outra mão, em movimentos semicirculares.

Lave entre os dedos, cruzando-os e esfregando uns contra os outros.

Não esqueça de lavar bem os dedões, eles costumam ser esquecidos.

Lave o dorso da mão, esfregando bastante, inclusive os dedos. Não esqueça dos pulsos.

A lavagem deve durar, no mínimo, 20 segundos. Enxague bem e seque com uma toalha limpa.

Teve contato com ambientes externos e não consegue lavar as mãos?

Higienize com álcool em gel.


Aplique o álcool em gel na palma da mão.

Espalhe entre as duas palmas.

Espalhe no dorso das mãos.

Espalhe entre os dedos e unhas.

Siga essas dicas:

  • ✱ Acione o elevador com o cotovelo;
  • ✱ Cumprimente as pessoas com aceno de mão ou, no máximo, com um toque de pés;
  • ✱ Abra portas com pés. Se não for possível, use um lenço descartável e o jogue fora em seguida;
  • ✱ Mantenha distância segura de, no mínimo, dois metros de qualquer outra pessoa;
  • ✱ Evite ao máximo sair de casa. A mitigação é essencial para essa situação ser finalizada;
  • ✱ Se precisar ir ao mercado ou farmácia, não vá em família;
  • ✱ Não toque em corrimões;
  • ✱ Ao entrar em casa, deixe o calçado que usou na rua na porta. Se possível, tome um banho imediatamente;
  • ✱ Higienize chaves com álcool 70;
  • ✱ Limpe celulares com álcool isopropílico. Caso não tenha, use pouca quantidade de álcool 70. Lembre-se: celulares e demais aparelhos eletrônicos não têm boa resistência à água, e álcool 70 possui água;
  • ✱ Não use máscaras, elas são destinadas a pessoas doentes e profissionais da saúde;
  • ✱ Ao apresentar algum sintoma leve, coloque a pessoa em restrição social:
    - Mantenha isolado dos demais moradores da casa;
    - Desinfete todos os objetos tocados pelo sintomático;
    - O doente deve ser o último a tomar banho, ele mesmo deve higienizar o banheiro com desinfetante, após o uso;
    - A higienização do lar deve ser mais que redobrada: use desinfetante comum multiuso para limpar maçanetas, superfícies, banheiros, cozinhas e demais itens;
    - Ao assoar o nariz, use lenços de papel e descarte-os em saco plástico;
    - As roupas devem ser lavadas sempre após o uso, não há necessidade de lavá-las com produtos especiais, sabão para roupas é bastante efetivo para "matar" o vírus.

✱ E o principal:

sempre que possível,

fique em casa.